Rede Social do Café

T Ó P I C O : Conheça os diversos benefícios do café para sua saúde

Informações da Comunidade

Criado em: 28/06/2006

Tipo: Tema

Membros: 5022

Visitas: 20.180.171

Mediador: Sergio Parreiras Pereira

                        

Adicionar ao Google Reader Adicionar ao Yahoo Reader Adicionar aos Favoritos BlogBlogs


Comentários do Tópico

Conheça os diversos benefícios do café para sua saúde


Autor: Leonardo Assad Aoun

32 visitas

1 comentários

Último comentário neste tópico em: 14/03/2018 15:10:02


Leonardo Assad Aoun comentou em: 14/03/2018 15:01

 

Conheça os diversos benefícios do café para sua saúde

 

Por Guiherme e Roney/Cruzeiro do Sul

252024_1
Café maravilhoso - Pexels

Se você acompanha nosso trabalho nas mídias sociais, já deve saber que somos grandes entusiastas do café.

Nós adoramos tomar um bom café, principalmente pela manhã, e sempre estamos em busca de conhecer novos métodos de prepará-lo e novos grãos para degustar.

E o melhor de tudo é que tomar café em quantidades normais (cerca de 1 a 5 xícaras por dia) não tem malefício algum para a nossa saúde.

Muito pelo contrário: na verdade, tal prática ainda pode trazer diversos benefícios saudáveis - e é sobre eles que vamos falar a partir de agora.

O Café e Seus Benefícios Para a Saúde

Porém, antes de mais nada, vale uma observação: a maioria das evidências a favor do café é composta de estudos epidemiológicos – realizando-se observações e recolhendo-se dados de grandes populações.

Tais estudos não conseguem estabelecer uma relação de causalidade, mas o padrão é claro: parece que o café faz bem para nós.

Abaixo, alguns exemplos de possíveis benefícios do café para a saúde.

Proteção contra o câncer de mama: O consumo de café com cafeína, ou seja, não descafeinado, tem um efeito protetivo em relação ao risco de câncer de mama em um período pós-menopausa.

Diminuição na incidência de câncer: O consumo de café está associado com uma modesta redução na incidência de câncer.

Diminuição na taxa de redução cognitiva: O consumo de café está consistentemente associado com baixas taxas de redução cognitiva relacionada a idade.

Proteção contra o câncer colorretal: A maioria das pesquisas mostra uma relação inversa entre beber café e câncer colorretal. Algumas pesquisas sugerem uma relação positiva, mas os resultados acabam sendo mascarados pelo fato de que quem bebia mais café tinha mais chance de também ser fumante.

Menor risco de Diabetes 2: Aumentar a ingestão de café resulta em um menor risco de diabetes tipo 2. Mesmo quando o café era descafeinado.

Melhora da função endotelial: Os polifenóis do café melhoram a função endotelial após a ingestão de glicose nos homens, amenizam a disfunção endotelial que normalmente segue uma refeição e evita a hiperglicemia associada à disfunção endotelial e ao estresse oxidativo.

Proteção contra Cálculos biliares: Entre homens americanos, a ingestão de café protege contra crises sintomáticas de cálculo biliar.

Diminuição da inflamação: Depois de ficar sem tomar café por um mês, pessoas que já bebiam regularmente receberam 4 xícaras por dia no segundo mês e 8 xícaras por dia no terceiro. Os indicadores de inflamações subclínicas reduziram e o colesterol HDL aumentou com o consumo de café.

Proteção contra câncer de fígado: O café tem uma relação protetiva com câncer de fígado mediada por marcadores de lesão hepática e de inflamação.

Diminuição da mortalidade: O consumo de café tem uma relação inversa com todas as causas de mortalidade. Isto é, causas de mortalidade precoce – o café não te torna imortal. Embora enfermeiras que bebem mais café possuam sim telômeros mais longos.

Proteção contra estresse oxidativo: Mulheres com maior ingestão de cafeína (via café e chá) mostram sinais de menor estresse oxidativo, menos dano ao DNA e uma maior capacidade de reparação do mesmo.

Proteção contra mal de Parkinson: Uma maior ingestão de café revela probabilidades ligeiramente mais baixas de adquirir mal de Parkinson.

Proteção contra câncer de próstata: O consumo de café reduz o risco de câncer de próstata.

Proteção contra AVC: O consumo moderado de café está associado com a redução do risco de acidente vascular cerebral. Mesmo consumos altos de café (8 xícaras por dia) se mostram ligeiramente protetivos.

Proteção contra as danos causados pelo sol: O café e seus polifenóis estão associados com a proteção contra o fotoenvelhecimento.

Melhora da função cognitiva e do humor: Ele melhora a função executiva e a memória de trabalho – porém apenas quando a tarefa não é altamente dependente da memória de trabalho.

Além disso, o café também melhora seu humor e faz você pensar que possui energia mental infinita - um efeito que pode ser ainda mais importante do que os efeitos fisiológicos cognitivos reais.

E isso funciona mesmo com o descafeinado, já que o ácido clorogênico presente tanto no café descafeinado quanto no café com cafeína indica uma melhora no humor.

Melhora na performance esportiva: Seja um exercício de longa duração, HIIT, sprint, badminton, treinamento de resistência ou qualquer outra atividade física que você puder nomear, uma xícara ou duas de café antes do treino podem melhorar o desempenho.

E ao contrário da crença popular, o café não causa desidratação.

Estudos mostram que não há diferença no nível de hidratação entre pessoas que beberam café, água ou outras bebidas.

Concluindo…

Assim, fica claro que o café pode sim trazer benefícios para saúde, além de ser delicioso para acompanhar uma boa leitura, conversa ou mesmo uma pausa no meio do dia.

E o melhor de tudo: você pode tomá-lo sem medo de ser feliz!

Para ler o texto completo que fizemos sobre o café ou mesmo para ler as evidências científicas que suportam o texto aqui escrito, acesse nosso texto completo sobre os benefícios do café.

Visualizar | |   Comentar     |  



1