Rede Social do Café

T Ó P I C O : CNA garante aumento dos recursos e prazo de disponibilização do custeio para o café

Informações da Comunidade

Criado em: 28/06/2006

Tipo: Tema

Membros: 5018

Visitas: 20.050.953

Mediador: Sergio Parreiras Pereira

                        

Adicionar ao Google Reader Adicionar ao Yahoo Reader Adicionar aos Favoritos BlogBlogs


Comentários do Tópico

CNA garante aumento dos recursos e prazo de disponibilização do custeio para o café


Autor: Leonardo Assad Aoun

59 visitas

1 comentários

Último comentário neste tópico em: 13/02/2018 17:17:12


Leonardo Assad Aoun comentou em: 13/02/2018 14:03

 

CNA garante aumento dos recursos e prazo de disponibilização do custeio para o café

 

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) defendeu na quinta (8), no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), o aumento dos recursos e do prazo de disponibilização da linha de custeio do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé).

Durante reunião do Comitê Diretor de Planejamento Estratégico do Agronegócio do Café (CDPE), a Comissão Nacional do Café da CNA enfatizou a importância de ampliação dos recursos nessa linha e a manutenção de R$1,86 bilhão para estocagem, já que esta safra será de bienalidade positiva, ou seja, uma produção superior a de 2017. 

“O Comitê aprovou R$ 1,1 bilhão para o custeio, um aumento de 9% com relação ao ano passado. A ampliação dessa linha é importante por ser passível de conversão em recurso para estocagem. Se o mercado não for favorável, o produtor poderá estocar o café utilizando desse financiamento, já realizado”, explicou o assessor técnico da Comissão, Maciel Silva.

A CNA também conquistou o aumento do prazo de disponibilização do custeio, que estará disponível de 1º de julho até 30 de junho do ano subsequente. “Hoje, o período de contratação é de 1º de julho até 30 de abril. É uma conquista importante, pois o produtor terá o ano inteiro para acessar esses recursos”, acrescentou o assessor.  

O novo prazo de disponibilização só entrará em vigor após publicação da resolução pelo Banco Central, alterando o período hoje estabelecido no Manual do Crédito Rural.

O volume de recursos no Funcafé para 2018 será de 5,5 bilhões, sendo 4,96 destinados às linhas de financiamento. Para o custeio será disponibilizado R$ 1,1 bilhão, estocagem (R$ 1,86 bilhão), aquisição de café (R$ 1,06 bilhão), recuperação de cafezais danificados (R$ 10 milhões), capital de giro para indústria de solúvel (R$ 200 milhões), torrado e moído (R$ 300 milhões) e capital de giro para cooperativas de produção (R$ 425,2 milhões).

Fonte: CNA/Notícias Agrícolas

Visualizar | |   Comentar     |  



1